Saltar para o conteúdo principal

Seminário de Museologia: A Casa dos Patudos - Museu de Alpiarça

 

No passado dia 22 de Novembro, no auditório 1 da Universidade Lusíada de Lisboa, realizou-se um Seminário de Museologia intitulado “A Casa dos PatudosMuseu de Alpiarça”. Esta iniciativa, desenvolvida no âmbito do curso de Licenciatura em Turismo desta instituição de ensino superior, contou com a presença do Reitor, Professor Doutor Diamantino Durão, do Presidente da Câmara Municipal de Alpiarça, Dr. Mário Pereira, e do Director do Museu, Dr. Nuno Prates.

Neste Seminário usavam da palavra o Reitor da Universidade, o Director da Faculdade de Ciências da Economia e da Empresa, Professor Mário Caldeira Dias, bem como as docentes da FCEE, Maria Manuela Sarmento e Ana Margarida Vieira.

No uso da palavra, o Presidente da Câmara Municipal de Alpiarça, referiu-se à importância da Casa dos Patudos para Alpiarça e para os alpiarcenses, tratando-se do valioso legado cultural e patrimonial de uma ilustre personalidade história contemporânea portuguesa, José Relvas, que, num acto de grande generosidade e dignidade cívica, deixou à sua terra, aos seus concidadãos – à República –, toda a sua fortuna material, colocada à disposição da comunidade e das futuras gerações; mas também porque é o elemento mais importante do património arquitectónico, artístico e cultural de Alpiarça, e que, por essa razão, ocupa necessariamente um lugar central numa estratégia de desenvolvimento turístico do concelho, enquanto oferta de qualidade e factor de promoção no exterior, que pode – e deve – contribuir directamente para o desenvolvimento económico e social e o bem estar da nossa população. Realçou ainda o significado do enorme investimento que a autarquia está a realizar na recuperação global da Casa dos Patudos (2,5 milhões de euros), e sublinhou a importância de serem estabelecidas bases sólidas de parceria com outras entidades e instituições – como a que está a ser protocolada com a Universidade Lusíada – para a cooperação técnica, cultural, científica e promocional, de interesse comum.

O Director da Casa dos Patudos – Museu de Alpiarça, Dr. Nuno Prates, na sua intervenção destacou a importância de José Relvas para a compreensão do republicanismo em Portugal, mas também importantes aspectos da sua actividade como político, agricultor, coleccionador de arte e músico amador. De seguida aludir à importância arquitectónica e artística da Casa dos Patudos, destacando o papel do arquitecto Raul Lino na realização desta obra iniciada em Abril de 1905 e terminada em 1909. Finalizou a sua comunicação apresentado as potencialidades da Casa dos Patudos, de acordo com o turismo cultural.

O Seminário de Museologia encerrou com a assinatura de um Protocolo de Cooperação, entre a Fundação Minerva – Cultura – Ensino e Investigação Científica, entidade instituidora das Universidades Lusíada, e a Câmara Municipal de Alpiarça, tendo por base a Casa dos Patudos – Alpiarça – Museu de Alpiarça.

voltar ao topo