Saltar para o conteúdo principal

Peça do Mês de Março de 2020

 

 

Casa dos Patudos – Museu de Alpiarça

Peça do mês – Março

Retratos dos compositores Klughardt, Rubinsteins e Boisdeffre

Desenho a Carvão

José Malhoa

1898

43.7 cm X 43,4 cm

CP – MA

Inv. Nº 85.467

 

A peça do mês de Março é um desenho a carvão representando os bustos de três compositores: Klughardt, Rubinsteins e Boisdeffre, estes são retratados envolvidos em folhagens. Estes retratos foram utilizados para o programa do primeiro Concerto da Sociedade de Amadores de Música de Câmara, da qual José Relvas fazia parte, em 30 de Janeiro de 1899.

August Friedrich Martin Klughardt (Nov. 1847 - Ago. 1902) foi um compositor e maestro alemão nascido em Köthen. Compôs as óperas Mirjam (1871), Iwein (1879), Gudrun (1882), Die Hochzeit des Mönchs (1886), além de aberturas, sinfonias e outras peças instrumentais, bem como o notável poema sinfónico Leonore. As suas composições musicais reflectem as influências de Robert Schumann (1810-1856), Richard Wagner (1813-1856) e de Franz Liszt (1811-1886), pianista húngaro, o favorito de Carlos de Loureiro Relvas.

Anton Grigorievitch Rubinstein (Nov. 1829 – Nov. 1894), nasceu em Vikhvatinets (Moldávia) e faleceria em Peterhof (Rússia). Pianista, compositor e maestro russo. Tornou-se uma figura famosa na cultura russa quando fundou o Conservatório de São Petersburgo. Era o irmão mais velho de Nikolai Rubinstein, que fundou o Conservatório de Moscovo. Como pianista, Rubinstein está entre os grandes virtuosos do século XIX.

René de Boisdeffre (Abr. 1838 – Nov. 1906) foi um compositor francês. É autor de cerca de sessenta obras de música de câmara, além de algumas peças para piano e música vocal. Bastante conservador no seu estilo compositivo, Boisdeffre parece dever muito a Charles Gounod (1818-1893) e Jules Massenet (1842-1912) em relação à sua música vocal, enquanto as suas partituras instrumentais foram influenciadas por Édourd Lalo (1823-1892) e Camille Saint-Saëns (1835-1921). Em Maio de 1883, Boisdeffre recebeu o prémio Chartier por seus trabalhos de música de câmara.

Moldura em madeira natural com um estreito friso em dourado junto ao desenho.

.

Casa dos Patudos – Museu de Alpiarça


 
Retratos dos compositores Klughardt, Rubinsteins e Boisdeffre 
 
voltar ao topo